Lamalonga

Distrito: Braga | Concelho: Vieira do Minho | Freguesia: Campos

A aldeia de Lamalonga distingue-se na paisagem ainda antes de aqui se chegar. As casas concentram-se, muito juntas, apesar do enquadramento natural e extenso, o que se justifica por uma necessidade prática do passado, como as comunidades se entreajudavam. Situada em Campos, Vieira do Minho, a aldeia é testemunha viva desse modus vivendi que convida a descobrir. Venha, então, percorrer as estreias ruas e observe os detalhes do aglomerado.

O conjunto de azenhas e canastros que pode descobrir espalhados pela aldeia, sobressaindo entre o casario, são testemunho da dinâmica do local ou não tivesse Lamalonga longa tradição no cultivo e transformação do milho e do centeio, uma das imagens mais fortes deste povoado. Os cereais, moídos nos moinhos da aldeia, eram depois transformados em pão, cozido no forno comunitário que hoje merece também uma visita. À volta da aldeia de Lamalonga, desfrute da bonita e variada paisagem, entre a frescura da água e o verde da serra. A ribeira da Laje ou a albufeira da Venda Nova, a dois passos, a proximidade da serra da Cabreira ou a beleza do Carvalhal do Esporão merecem um passeio. Este último reveste-se de um carácter especial: atente à beleza do local onde rebentam nascentes de água pura e fresca que se junta numa série de poças, antes de partir para os campos de milho e lameiros, por regos e levadas. Muitas destas árvores são carvalhos de Santo António, oferendas ao santo pela protecção concedida aos animais. Também por isso este é o local escolhido para a festa da aldeia, devota a Santo António, que celebra todos os anos no segundo domingo de agosto. O cruzeiro, em frente à igreja, é encimado por uma cruz latina.

A gastronomia baseia-se nos produtos cultivados na terra. Podem-se encontrar aqui pratos típicos como os feijões com couves acompanhados com pernil de porco caseiro, o pica-no-chão, o cozido à portuguesa com carnes caseiras, o cabrito, o anho, a posta barrosã, e a broa de milho. Nos doces são confeccionadas as filhoses e a aletria. Como noutras aldeias da região, em Lamalonga o artesanato desempenha uma função prática: são linhos e bordados, croças de junco ou de palha do centeio (colmo) os produtos que poderá levar como recordação da sua visita. A Croça de junco ou em alguns casos de palha do centeio (colmo) é uma peça de vestuário, uma capa que protege da chuva e do frio, sendo muito utilizada pelos pastores. Com o enquadramento da natureza, entre serras e ribeiros, refresque-se nesta aldeia por alguns dias num dos alojamentos de turismo rural disponíveis no local: a Casa la Salete, a Casa Melanie ou a Casa Laura.

Visita

Virtual

  • Forno Comunitário de Lamalonga
    Forno comunitário com cobertura e tendal.

  • Parque de Merendas de Carvalhal do Esporão
    Amplo parque com mesas e bancos, ideal para piqueniques com a família e amigos.

  • Conjunto de Azenhas e Canastros

  • 1 2 >
    Forno Comunitário de Lamalonga
    Braga | Vieira do Minho
    Castro de Codeçoso
    Vila Real | Montalegre
    Conjunto de Azenhas e Canastros
    Braga | Vieira do Minho
    Cruzeiro de Lamalonga
    Braga | Vieira do Minho
    São Cristóvão
    Vila Real | Montalegre
    Parque de Merendas de Carvalhal do Esporão
    Braga | Vieira do Minho
    Capela de Santo António
    Braga | Vieira do Minho
    Casa Baixo do Eido
    Braga | Vieira do Minho